Concer: Bauernfest
Concer: Bauernfest
Saúde

Influenza aviária é confirmada em ave migratória encontrada em Petrópolis

A Coordenadoria de Vigilância Ambiental confirmou um caso de influenza aviária em uma ave migratória em Petrópolis. O teste no animal foi realizado pela Superintendência de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde do Estado do Rio de Janeiro, que notificou o município sobre o caso.

Trata-se de uma ave migratória. A espécie (trinta-réis) não é típica de Petrópolis, e sim da Região dos Lagos.

A ave foi recolhida no dia 9 de outubro, pelo Núcleo de Defesa Agropecuária da Seappa (Secretaria estadual de Agricultura, Pecuária, Pesca e Abastecimento) de Itaipava. A procedência do animal está sob investigação pelo município.

O órgão estadual fez testes com a ave, o resultado saiu nesta semana e a ave testou positivo. O município esclarece que esse é o único caso da doença registrado em Petrópolis.

A transmissão do vírus da influenza aviária para os humanos é rara. Quando ocorre, se dá por exposição a aves infectadas ou inalação de partículas contaminadas com as suas excreções.

Por isso, a população deve evitar estritamente o contato com aves doentes ou mortas, incluindo aves silvestres, e deve relatar a existência de aves mortas entrando em contato com as autoridades locais de meio ambiente, saúde ou agricultura.

Caso o morador de Petrópolis encontre uma ave debilitada, ele não deve manusear animal. Deve entrar em contanto com o Núcleo de Defesa Agropecuária da Seappa (Secretaria estadual de Agricultura, Pecuária, Pesca e Abastecimento), em Itaipava, pelo telefone 2222-9883.

Botão Voltar ao topo
error: Favor não reproduzir o conteúdo do AeP sem autorização ([email protected]).